×

Bolsa Científica.

Bolsa Científica.

A Bolsa de Iniciação Científica Júnior está entre os nove benefícios que são concedidos aos cidadãos por meio do Auxílio Brasil. Mas afinal de contas, do que se trata? Esse auxílio, que se soma à parcela do programa do governo federal, é um benefício complementar. Ou seja, não são todos os beneficiários que vão receber. Na verdade, ele é voltado para estudantes. O objetivo é incentivá-los a se dedicarem aos estudos e a desenvolverem potencialidades na ciência. De acordo com o governo federal, o benefício começou a ser pago em dezembro e cerca de três mil alunos receberam a primeira parcela. Quem tem direito à Bolsa de Iniciação Científica Júnior do Auxílio Brasil? A Bolsa de Iniciação Científica Júnior é concedida somente aos estudantes cujas famílias são beneficiárias do Auxílio Brasil, conforme estabelece a portaria nº 719/2021. Além disso, o aluno precisa ter se destacado em competições acadêmicas e científicas, de abrangência nacional, vinculadas a temas da educação básica realizadas no ano anterior. Ou seja, precisa ter conquistado medalhas de ouro, prata ou bronze entre janeiro e dezembro do ano anterior à concessão do benefício. Porém, as competições precisam ser as credenciadas (que recebem apoio, de qualquer natureza, do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações) e que foram lançadas em 2020. De acordo com o CNPq, foram 15 Olimpíadas Científicas: IX Olimpíada Brasileira de Neurociências – OBN IV Olimpíada Brasileira de Cartografia: Ciência e Arte – OBRAC Olimpíada Brasileira de Robótica 2021 – OBR 5ª Olimpíada Nacional de Aplicativos – ONDA Olimpíada Brasileira de Soluções Sustentáveis para Água e Energia – OBSSAE 3ª Olimpíada Científica Nacional sobre Oceanos e Ambientes Polares and 3rd Hackathon for new technologies for Marine and Polar research Olimpíada Brasileira de Matemática – OBM IPhCO – Olimpíada Internacional de Física e Cultura – FASE NACIONAL 24ª Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica OBA 10ª Olimpíada Brasileira de Física das Escolas Públicas – OBFEP 11ª Olimpíada Brasileira de Agropecuária – OBAP Olimpíada de Matemática dos Institutos Federais – OMIF Olimpíada Brasileira de Informática 2021 – OBI Programa Nacional Olimpíadas de Química – OBQ XVII Olimpíada Brasileira de Biologia – OBB Qual o valor da Bolsa? A Bolsa de Iniciação Científica Júnior do Auxílio Brasil, ao contrário de outros benefícios do programa, não é vitalícia. Ou seja, ela tem um limite de tempo. Os contemplados vão receber 12 parcelas no valor de R$100. Além disso, a família do estudante receberá a parcela única de R$1 mil. Portanto, o valor total da bolsa é de R$2.200, sendo R$1.200 divididos em parcelas para o estudante e R$1 mil pagos de uma única vez para o grupo familiar. Logo federal da Bolsa de Iniciação Científica Júnior Bolsa de Iniciação Científica Júnior paga parcelas de R$100 para estudantes que se destacam Como receber a Bolsa de Iniciação Científica Júnior do Auxílio Brasil? Como faz parte da grade de programas complementares do Auxílio Brasil, a forma de pagamento e inscrição é a mesma. Para receber a Bolsa de Iniciação Científica Júnior é preciso estar inscrito no CadÚnico. O pagamento segue o mesmo calendário do Auxílio Brasil e será depositado no cartão do programa, somado ao valor restante da parcela referente ao mês. Veja os dias de pagamento: tabela A identificação das famílias que têm direito à bolsa é feita de forma automática pelo governo, por meio do cruzamento de dados da base dos estudantes com as bases de dados do CadÚnico. Por isso não é necessário fazer nada além de estar com a inscrição no CadÚnico em dia. As famílias selecionadas para receber a bolsa serão informadas por meio do extrato bancário do Auxílio Brasil. Quais são os outros nove benefícios do Auxílio Brasil? Além da Bolsa de Iniciação Científica Júnior, os beneficiários do Auxílio Brasil podem acessar mais oito tipos de benefícios. Desse total, três são os benefícios básicos do programa: tabela Os outros cinco auxílios são: Benefício Compensatório de Transição (para quem já recebia o Bolsa Família) Auxílio Esporte Escolar (para estudantes de 12 a 17 anos) Auxílio Criança Cidadã (para crianças de até 4 anos) Inclusão Produtiva Rural (para agricultores) Inclusão Produtiva Urbana (para trabalhadores formais)

Publicar comentário